Voltar Atrás

Reflexão da STC-6 - Sociedade, Tecnologia e Ciência

 


Informações Técnicas

 

Formando: Paulo Caldeira da Silva

Formadora: Cristina Leite

Data: 27/Novembro/2011

Área de Formação: Modelos de Urbanismo e Mobilidade

Denominação/Código: STC-6

Curso: EFA-NS - Técnicos de Instalação de Sistemas Solares Térmicos (03) - Sertã

 

O que Aprendi

 

DR 1

- Construção e arquitectura.

• Construção e arquitectura à integração social e à melhoria do bem-estar individual.

• Tipos de material utilizado na Construção das habitações.

- Entre outros temas e subtemas abordados neste DR1 (Domínio de Referência).

 

DR 2

- Ruralidade e Urbanidade.

• Harmonização territorial em modelos de desenvolvimento rural ou urbano.

• Gastronomia, Tipos de agricultura e trajes típicos.

- Entre outros temas e subtemas abordados neste DR2.

 

DR 3

- Administração, segurança e território.

• Mobilizar informação sobre o papel das diferentes instituições no âmbito da administração, segurança e território.

- Entre outros temas e subtemas abordados neste DR3.

 

DR 4

- Gestão do espaço habitável.

• Diferentes formas de mobilidade territorial – local e global e, sua evolução.

• Energias renováveis.

• Comportamentos da utilização de energia.

- Entre outros temas e subtemas abordados neste DR4.

 

Como Aprendi

 

- Exposição oral da Formadora.

- Pesquisas na internet.

- Elaboração do portefólio sobre o Alentejo.

- Construção da maqueta sobre o Alentejo.

- Fotocópias de Material Variado.

- Debates sobre as temáticas apresentadas.

 

Dificuldades Sentidas

 

Não senti muitas dificuldades nestes Domínios de Referência (DR1), (DR2), (DR3) e (DR4), dados pela formadora Cristina Leite, visto abordar temas que eu já conhecia um pouco.

 

Reflexão

 


Na área de formação de Sociedade, Tecnologia e Ciência, na Unidade - Modelos de Urbanismo e Mobilidade, abordamos os temas de Construção e Arquitectura, Ruralidade e Urbanidade, Administração, Segurança e Território e por fim Mobilidades Locais e Globais, entre outros.

 

Comecei por fazer pesquisas na internet sobre o Alentejo, a região que me calhou em sorte, a mim e aos meus colegas de grupo que abandonaram o curso por motivos de trabalho e, desse modo, acabei por terminar todo o processo da construção da maqueta e da elaboração do portefólio, sem a ajuda deles.

 

Depois de ter feito as pesquisas, tive conhecimento que as casas alentejanas, sobretudo as do baixo Alentejo, são feitas com paredes em tijolo ou taipa que é um material formado por, terra húmida comprimida entre taipais de madeira desmontáveis, removidos logo após a secagem, paredes essas que são assentes em alicerces de xisto que se prolongam até 60 cm do nível do chão, caiadas de branco com rodapé colorido no exterior, normalmente em azul ou ocre e com uma faixa de cor garrida a contornar as janelas, também de azul ou ocre e no interior também são caiadas de branco.

 

As janelas são de pequenas dimensões, para manter a casa fresca e o telhado é de duas águas, usando telha portuguesa, com um forro de canas para isolar do calor e uma chaminé geralmente de grandes dimensões, normalmente na fachada frontal.

 

Continuando com as pesquisas, verifiquei que o Alentejo é a região do borrego e do porco preto e estes são recursos com elevada cotação na bolsa de valores gastronómicos.

 

Quanto aos trajes típicos, verifiquei que a roupa das ceifeiras era constituída por dois fatos, roupa do campo e roupa de portas e o traje do pastor era composto por calças, camisa, capote, safões (calças a sobrepor às de pano) e pelico, (espécie de casaca com as abas largas e compridas), por causa do frio.

 

Vi também, que o Alentejo é uma região agrícola por excelência, as culturas e pastagens combinam-se tradicionalmente com a vinha, o olival e os montados de sobro ou azinho de forma muito equilibrada e sustentável.

 

No Montado (Alentejo rural), desenvolvem-se inúmeras actividades económicas de forma integrada, em primeiro lugar, a produção de cortiça, actividade de grande expressão na economia da região e dos agricultores.

 

Mas no Montado, encontra-se também a actividade ligada ao turismo e à pastagem de rebanhos de raças nativas de bovinos, ovinos e porco preto.

 

Nas pesquisas ainda, verifiquei que o grande Alentejo, é uma região portuguesa, que compreende integralmente os distritos de Portalegre, Évora, Beja e a metade sul do distrito de Setúbal e que as maiores cidades são, Beja, Elvas, Évora, Portalegre, Sines, Vila Nova de Santo André e Montemor-o-Novo.

 

Verifiquei ainda que, os alentejanos migraram das aldeias para as cidades e das cidades alentejanas para outras fora do Alentejo e para fazer face a um problema que atinge o Alentejo que é a falta de água, têm sido construídas uma série de barragens públicas, sendo a mais notável a Barragem do Alqueva que está transformando a região e criando o Maior Lago da Europa.

 

Quanto às energias renováveis, verifiquei que é no Alentejo, devido a ter maior incidência solar, que está a maior produção de energia eléctrica, proveniente de painéis solares fotovoltaicos.

 

Sabendo tudo isto, passei à construção da maqueta sobre o Alentejo e à elaboração do portefólio, representando o Alentejo o melhor que pude, com os conhecimentos entretanto adquiridos.

 

Gostei imenso desta Unidade de Competências, sobretudo na construção da maqueta, com todos os materiais que fui adicionando ao longo das sessões e vendo o resultado que fui obtendo.

 

A formadora Cristina Leite, considero que alcançou os objectivos pretendidos sobre esta matéria, mesmo com apenas 50 horas dedicadas a esta Unidade e, deste modo, tem a nota máxima da minha parte.

 

Para melhorar esta UC, acho que deveria ser aumentada a carga horária da mesma, porque assim, poderíamos aprofundar ainda mais sobre os Modelos de Urbanismo e Mobilidade.

 


Clique no Banner (Imagem) seguinte para fazer o Download (Baixar), e depois, fazer a respetiva consulta no seu Computador ou Dispositivo!

 

Clique Aqui, para Fazer o Download do Arquivo ZIP, para Consulta!

 

Ficheiros Incluídos no Arquivo ZIP para Download e Consulta

 

Portefólio do Alentejo - Paulo Silva.docx

Apresentação de Fotos da Maquete - Paulo Silva.ppsx

Exposição de Maquetes na Sertã - Paulo Silva.pdf

Reflexão da STC 6 - M. de U. e M. - C.L. - Paulo Silva.docx

 


Notas de Rodapé:

 


Atenção

Se utilizar algum texto quer das minhas Reflexões, quer dos meus Documentos que disponho para consulta e/ou download, não se esqueça de que não deve fazer o chamado (Literalmente, Copy-Paste) nos seus próprios documentos para o seu próprio bem!

 

Como deve calcular nenhum Formador ou Professor apoia essa ideia, até porque cada arquivo da autoria de cada um, tem os respetivos Direitos de Autor, utilize nos seus documentos palavras e frases suas, mesmo que utilize a estrutura e as ideias que vos deixo nos meus Arquivos, Textos e Reflexões, Obrigado!

 

Logotipo do Portefólio Reflexivo de Aprendizagem de Paulo C. Silva

 

 

 

Linha Separadora